O partido do Brasil

Notícias

Democratas elege 459 prefeitos no primeiro turno e 4311 vereadores

O Democratas obteve um resultado expressivo nas eleições municipais. O partido venceu em 3 das 25 capitais em que houve votação neste domingo (15). A legenda pode ainda chegar a cinco vitórias caso vençam Josiel Alcolumbre em Macapá (que liderava as pesquisas, mas o pleito foi adiado para dezembro) e no Rio de Janeiro com Eduardo Paes, que chega ao segundo turno como favorito no Rio de Janeiro.

O presidente nacional do Democratas, ACM Neto, ressaltou que o Democratas foi partido que mais cresceu, e obteve um desempenho muito positivo em cidades grandes nas diferentes regiões do país. Segundo Neto, o resultado fortalece o partido que se prepara para as eleições em 2022. “O resultado não poderia ter sido melhor. Alcançamos todas as metas que haviam sido estabelecidas. Estamos nos preparando e nos fortalecendo para o futuro, em 2022 o Democratas será o partido mais relevante para um projeto para o Brasil e nos estados”, declarou.

O número de vitórias do Democratas em 2020 representa também um importante salto em relação à eleição municipal de 2016. De 268 prefeituras, o partido irá administrar, a partir de 2021, 459 municípios, e um eleitorado de 7,72% da população do país. São 190 a mais que o total de eleitos pelo partido nas eleições municipais anteriores. O crescimento de 2016 a 2020 foi de 70,9%. Com este resultado, o DEM passa foi o partido que mais cresceu nesta eleição. E também passa a ser o quinto partido em número de votos e o quarto em número de eleitores, atrás apenas do MDB, PSDB e PSD.

O Democratas reelegeu Rafael Greca em Curitiba, Gean Loureiro em Florianópolis e, em Salvador, Bruno Reis foi o prefeito de capital mais bem votado do país, recebendo 779.408 votos em número absoluto. Eduardo Paes passou ao segundo turno contra o atual prefeito carioca, Marcelo Crivella (Republicanos) obtendo 37% dos votos válidos.

Câmaras Municipais

O Democratas também cresceu em número de vereadores. Elegeu 4.311, 44% comparado à eleição de 2016, e agora é o quinto partido em número de eleitos. O Democratas também elegeu a maior bancada de vereadores em Curitiba, com cinco cadeiras. Em São Paulo, Milton Leite foi reeleito com a segunda maior votação na capital. No Rio de Janeiro, o ex-prefeito Cesar Maia foi reeleito para a Câmara Municipal e o partido terá, a partir de 2021, uma das maiores bancadas, com sete vereadores, ao lado do PSOL e do Republicanos.