O partido do Brasil

Notícias

Nota da Juventude Democratas acerca do fechamento das escolas pelo governo do Estado da Bahia

A Juventude Democratas da Bahia vem, por intermédio de seus membros, apresentar esta nota de repúdio à ação do governador Rui Costa, do PT, além de não inaugurar nenhuma escola nova em todo o estado, agora está fechando aquelas que sempre foram referência no ensino público da Bahia, a exemplo da Escola Estadual Antônio Carlos Magalhães, em Itabuna.

Enquanto Salvador mais do que dobrou o número de vagas oferecidas nos centros educacionais do município durante a gestão do Prefeito ACM Neto, o Governo do Estado, sob o comando de Rui Costa, fecha vagas escolares e impede o acesso de crianças e adolescentes aos estudos.

Tal postura evidencia ainda mais o descompromisso do PT em relação a educação pública e para com o futuro dos jovens baianos.

Desde o início do seu mandato Governador reduziu ou extinguiu as gratificações de estímulo ao aperfeiçoamento profissional, indo na contramão do que fazem outros Estados, que promovem a valorização dos professores e professoras da rede pública.

Agora, para coroar a má gestão educacional e o desmonte da escola pública, o Governo ataca as escolas modelo, de forma suspeita, ao promover o fechamento do Colégio Odorico Tavares e vender o seu terreno, enviando projeto de lei em regime de urgência para esse fim.

Investir em educação é essencial para ampliar a compreensão do mundo e dar novas perspectivas à nossa juventude no mercado do trabalho. A exemplo do Ceará e São Paulo, a Bahia já deveria ter estruturado, de forma séria, a sua rede de escolas em tempo integral, inclusive com viés profissionalizante.

Infelizmente, o Senhor Governador não compreende a importância da qualidade do ensino público na superação do ciclo de pobreza e desigualdade social que tanto aflige o povo baiano.