O partido do Brasil

Notícias

Democratas aprova moção em apoio à Nova Previdência

A Convenção Nacional do Democratas, realizada nesta quinta-feira (30), em Brasília, enfatizou a necessidade de construção de uma agenda pública capaz de fazer o país voltar a crescer. Entre os pontos mais defendidos pelos membros da sigla está a Nova Previdência. Durante o evento, o presidente nacional do Democratas, prefeito ACM Neto (BA), colocou em votação uma moção de apoio à reforma – aprovada por aclamação. A iniciativa foi proposta pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (RJ).

“Nós, do Democratas, estamos absolutamente comprometidos com o avanço da agenda das reformas. Tenho certeza que, pautados pelo espírito público, todos estarão comprometidos para garantir a aprovação da Reforma da Previdência”, destacou o presidente do Democratas.

Na cerimônia, Rodrigo Maia apresentou números que retratam as dificuldades vividas pelo povo brasileiro. O presidente da Câmara destacou que os indicadores atuais “envergonham” toda a população. De acordo com Maia, hoje o Brasil tem quase 30% dos brasileiros fora do sistema educacional; quase 55 milhões de brasileiros em situação de pobreza; outros 40% dos lares continuam sem saneamento básico em pleno século XXI.

Além disso, o parlamentar citou o desemprego – que atingiu 13% da população – e as mais de 30 milhões de pessoas que já desistiram de procurar um posto de trabalho.

“Menos de 2% da população concentra 60% das riquezas. Enquanto a outra metade tem acesso a apenas 5% de tudo o que é produzido no país. É disso que estamos falando. Ser ou não governo não é o mais importante, o mais importante é ser a favor de uma agenda que construa um futuro melhor para a população brasileira”, ressaltou.

Davi Alcolumbre (AP), presidente do Senado, alertou ainda para o papel fundamental que o Democratas exerce na reconstrução do país: “Queremos buscar, todos os dias, não o atrito ou a discórdia. Ao contrário, temos que construir a convergência para estabelecer um diálogo que seja capaz de salvar o Brasil”.

A cerimônia contou com a presença dos governadores do Mato Grosso, Mauro Mendes; do Goiás, Ronaldo Caiado; e do Tocantins, Mauro Carlesse. Os ministros Onyx Lorenzoni (Casa Civil), Tereza Cristina (Agricultura) e Luiz Henrique Mandetta (Saúde) também participaram do evento.