O partido do Brasil

Notícias

Heraldo Rocha, que também é médico, afirmou que virou rotina mulheres darem à luz na recepção de maternidades

Em entrevista ao PNotícias, Heraldo Rocha (Democratas), que é médico, fez duras críticas à situação das maternidades estaduais. Rocha citou o caso de uma mulher que, no último dia 15, deu à luz na recepção da Maternidade Tsylla Balbino, em Salvador.

O democrata destacou que casos como esse são uma rotina nas maternidades de Salvador e do interior do estado e justifica: “A Sociedade de Ginecologia e Obstetrícia da Bahia, aproximadamente dois ou três anos atrás, fez um levantamento e verificou que a situação é muito grave. Nós tivemos uma redução de leitos obstétricos. Temos a Climério de Oliveira, uma maternidade importante, que passa por dificuldades. Temos o fechamento do Espanhol, que era um centro de excelência na obstetrícia, onde inclusive nasceram meus filhos. A última maternidade que foi construída na Bahia foi a maternidade José Maria de Magalhães Neto que fica no Pau Miúdo”. A situação no interior do estado também é destacada por Rocha:  “Hoje, em municípios próximos à Salvador, como Santo Amaro da Purificação e Valença, uma gestante de alto risco terá que vir em Salvador. Como via de consequência nós temos uma carência muito grande de leitos de UTI neonatal o que complica ainda mais “.